Clipping

Paulo tocador de obras - Sinduscon PE

Paulo tocador de obras

04/08/2021 -Fonte: Jornal do Commercio - Economia

O governador Paulo Câmara acredita que pode encerrar o seu segundo mandato com a marca de tocador de obras, ainda que, se quiser disputar um cargo no Congresso, só lhe restem 240 dias. Depois de seis anos e meio pagando as contas deixadas por Eduardo Campos, passando quatro sem poder tomar um real emprestado para fazer obras, ele acredita que até deixar o cargo para Luciana Santos, em abril próximo, poderá engrenar um pacote de obras que ajude seu candidato ao governo se eleger.

Ontem ele reuniu os chefes dos poderes para anunciar o que chamou de Projeto Retomada - com investimentos de R$ 5 bilhões. Desagregando o número pode-se perceber que ele junta o que o Estado já deve gastar este ano, R$ 1,5 bilhão e outros R$ 1,7 bilhão do caixa e R$ 2 bilhões emprestados, de modo a deixar um legado.

Além de Educação, setor que se orgulha de ter colocado cada real disponível no caixa desde que assumiu, ele aposta em melhorar rodovias, entre elas a triplicação da BR-232 e começar o Arco Metropolitano; terminar os quatro aeródromos do Estado (Caruaru, Garanhuns, Serra Talhada e Araripina) e turbinar o setor de saneamento, com projetos de concessões e PPPs.

Durante a pandemia, enquanto dava um ajuste nas contas do Estado, mirando readquirir a classificação de Capacidade de Pagamento B na Secretaria do Tesouro, o governador listou e escreveu 120 projetos que está apresentando aos bancos para captar dinheiro novo. Se tudo der certo, depois de romper o ano, o Pernambuco de Paulo Câmara vira um canteiro de obras.



Veja Mais

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso site.
Ao utilizar nosso site e suas ferramentas, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Sinduscon-PE - Política de Privacidade

Esta política estabelece como ocorre o tratamento dos dados pessoais dos visitantes dos sites dos projetos gerenciados pela Sinduscon-PE.

As informações coletadas de usuários ao preencher formulários inclusos neste site serão utilizadas apenas para fins de comunicação de nossas ações.

O presente site utiliza a tecnologia de cookies, através dos quais não é possível identificar diretamente o usuário. Entretanto, a partir deles é possível saber informações mais generalizadas, como geolocalização, navegador utilizado e se o acesso é por desktop ou mobile, além de identificar outras informações sobre hábitos de navegação.

O usuário tem direito a obter, em relação aos dados tratados pelo nosso site, a qualquer momento, a confirmação do armazenamento desses dados.

O consentimento do usuário titular dos dados será fornecido através do próprio site e seus formulários preenchidos.

De acordo com os termos estabelecidos nesta política, a Sinduscon-PE não divulgará dados pessoais.

Com o objetivo de garantir maior proteção das informações pessoais que estão no banco de dados, a Sinduscon-PE implementa medidas contra ameaças físicas e técnicas, a fim de proteger todas as informações pessoais para evitar uso e divulgação não autorizados.

fechar